Você Sabia?  

Estudo Sobre Cérebro de Autistas
Publicado em: 15/04/2014

 abril de 2014
Terse Winslow

Pesquisadores da Universidade da Califórnia identificaram dois marcadores biológicos do distúrbio que podem apontar um novo caminho para estudar sua origem: autistas têm cérebro mais pesado e com maior número de neurônios na região do córtex pré-frontal, relacionado às habilidades cognitivas, comunicativas e de interação social. A descoberta é resultado preliminar de um estudo conduzido pelo neurocientista Eric Courchersne, publicado no Journal of the American Medical Association em novembro de 2011.

Sua equipe analisou tecidos do córtex pré-frontal de 13 meninos e adolescentes que morreram entre 2 e 16 anos de idade – sete deles diagnosticados com autismo. Os pesquisadores descobriram que eles tinham 67% mais neurônios (veja gráfico ao lado) que o grupo de controle. Essa proporção foi observada apenas em relação a esse tipo de célula, pois a contagem de outras estruturas neurais, como as células gliais, foi idêntica à do grupo de controle.

Além disso, o cérebro dos autistas revelou-se 17,6% mais pesado e 7% maior que a média geral. “Futuros estudos com uma amostra maior de tecidos poderão revelar relações importantes entre a contagem de neurônios e a severidade dos sintomas”, afirma Courchersne em seu artigo.


Fonte: http://www2.uol.com.br/vivermente/noticias/cerebro_de_autistas_e_maior_e_tem_mais_neuronios_afirma_estudo.html

Contato
sheilapsicopedagoga@hotmail.com
Copyright © - 2011 - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Daniela Barbosa
Facebook Twitter